Pensamento do Dia! Dia De Todos Os Vivos Em Cristo

 

Dia De Todos Os Vivos Em Cristo

 

Dia de todos os mortos,

Que esplêndidos, dormem em seus fúnebres postos,

Esperando absolvição,

Aguardando salvação,

Ou condenação,

Ou eterna perdição,

Que se fará se dará se consumará,

Na volta do Cristo,

Para o rapto da Noiva Eleita, Sua Igreja,

Para nos ares encontrar a Noiva,

(Falo sobre) arrebatamento, não outra coisa!

Por isto esteja atento!

E quanto àquele que ainda hoje não aceitou a Cristo,

Prudentemente faça-o apressadamente,

Conclua a tal intento!

 

 

 

Dia de todos os mortos,

Dormindo estão formosos,

Repousando, estão até a volta do Cristo para Julgamento, estão descansando,

Sem alma imortal,

Sem pagã doutrina cultural,

Dormem sob o peso de seus atos,

Responderão pelos fatos desejados ou consumados,

Pelas palavras ditas proferidas, réus enxergados,

Quando vivos foram,

Oportunidades tiveram, aproveitaram ou desperdiçaram…

 

 

 

Dia de todos os mortos,

Que aos vivos serve de profunda sincera pesada respeitosa rememoração, reavaliação,

Dia de todos os mortos,

Que aos vivos inspira reconsideração de atos e modos.

 

 

 

Enquanto há vida, há Salvação, pois depois, apenas se seguirá a consumação da divina avaliação, (Julgamento)

Sem qualquer externa interferência de influência, (Petição).

 

 

 

Na Morte reside e existe, resiste a definição,

Sem chances de reconsideração,

Reavaliação,

Todos se igualam e nivelam porque todos em inquisidor Juízo responderão,

Porque amaram a Cristo ou não!

 

Autor: Jessé Vitorino da Silva Júnior

Teólogo. Pós-Graduado em Ciências da Religião.

Portal Boca Quente

Be Sociable, Share!
    CLIQUE E VEJA NOSSOS SERVIÇOS DISPONÍVEIS PARA VOCÊ
    Seu Futuro é Aqui ! Uninta
    LIGUE E SOLICITE UM ORÇAMENTO COM O MESTRE FCO
    Nutricionista Dra. Martinilsa Rodrigues é a melhor de Sobral
    O melhor Portal de Notícias da Região Norte
    Restaurante Cantinho da Érika com Self Service de r$ 5,7 e 10 reais

    Sem comentários no momento.

    Deixe seu comentário