Operação apreende cerca de R$ 700 mil com investigados

Em uma das residências, foi encontrada uma máquina de contar cédulas e em outro local foi encontrado R$ 300 mil reais.
Em coletiva de imprensa na tarde desta quinta-feira (09), na sede da Promotoria de Justiça de Juazeiro do Norte, o Ministério Público do Estado do Ceará (MPCE) e a Polícia Civil apresentaram o resultado da Operação Conexus que cumpriu 80 mandados de busca e apreensão em 40 postos de combustíveis na região do Cariri, em especial no Triângulo Crajubar, e nas residências dos proprietários dos estabelecimentos.
A investigação do MPCE teve início em outubro de 2016 com o recebimento de um relatório do Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade) que apontava uma possível associação irregular entre os postos de combustível da região para combinar preços. Em paralelo, os Decons das Comarcas de Crato e Barbalha perceberam um aumento exacerbado no preço de combustíveis e de reclamações da população.
“Recebemos um farto material apreendido, faremos a análise para verificar se as suspeitas iniciais se concretizam com as provas coletadas. Para que se consiga uma operação efetivamente exitosa no âmbito do Ministério Publico, precisamos que esses indícios se tornem realidade e, por isso, vamos trabalhar na análise do material apreendido”, declarou a promotora de Justiça Juliana Mota.
O delegado regional de Juazeiro do Norte, Juliano Marcula, ressaltou que a magnitude e os resultados da operação surpreenderam a todas as equipes. “Nos surpreendeu a quantidade de dinheiro apreendido quase 700 mil, pois não é comum que haja tanto dinheiro em residências e não nos postos. Em um só local foi encontrado 300 mil reais”, revelou. Ele destacou, ainda, que fianças de cerca de dez mil reais, foram pagas de forma rápida, “o que demonstra o poder financeiro dos suspeitos”. Em uma das residências, foi encontrada uma máquina de contar cédulas, o que facilitou o levantamento rápido dos valores apreendidos. “Poucas vezes aconteceu no Cariri uma operação desse porte, com essa quantidade de alvos. Considero que ela foi muito exitosa e esperamos que outras operações desse porte possam ocorrer em parceria com o Ministério Público”, disse.
O promotor de Justiça Thiago Marques explicou que a ação abrangeu boa parte dos postos de combustíveis da região. “Apenas alguns ainda ficaram de fora, mas nos detivemos neste momento àqueles em que tínhamos indícios mais fortes, porém, a investigação ainda está em curso”, ressaltou o membro do MPCE. O nome da operação, Conexus, vem da palavra em latim que significa ligação e faz referência à articulação elaborada entre os suspeitos para as supostas práticas ilícitas. Os promotores de Justiça Francisco das Chagas e Nivaldo Martins também estiveram presentes na coletiva de imprensa.


Portal Boca Quente

Por  Cnews

Be Sociable, Share!
    Restaurante Cantinho da Érika com Self Service de r$ 5,7 e 10 reais
    CLIQUE E VEJA NOSSOS SERVIÇOS DISPONÍVEIS PARA VOCÊ
    Nutricionista Dra. Martinilsa Rodrigues é a melhor de Sobral
    O melhor Portal de Notícias da Região Norte
    Seu Futuro é Aqui ! Uninta
    LIGUE E SOLICITE UM ORÇAMENTO COM O MESTRE FCO

    Sem comentários no momento.

    Deixe seu comentário